Época 2015/16

Época 2015/16

Uma paixão vestida de vermelho

Meus amigos...

Estando a residir actualmente em Sion (Suíça) tive a oportunidade de assistir ao jogo do nosso GLORIOSO ante os Franceses do Marselha na passada sexta feira, o qual como tão bem sabem terminou com uma natural vitória do maior clube Português.
Ser benfiquista fora do nosso País depressa transforma a nossa paixão, tornando-a mais "volumosa" querendo a cada dia que passa "beber" mais um pouco do que se passa a mais 4.000 km de distância, sendo que é sempre com enorme satisfação e orgulho que dizemos a todos os nossos amigos Suíços, Franceses, Italianos que somos...BENFICA, clube que depressa reconhecem e admiram.
Os dias que antecederam o jogo foram de alguma ansiedade, procurando informações sobre o horário, preço dos bilhetes, etc.., sendo que tive o PRAZER de levar comigo ao Stade de Tourbillon um grande amigo Sportinguista, o qual , claro está não ficou indeferente à força que o SL Benfica consegue "arrastar" consigo, em especial aqui em território Suiço.
Num Estádio com capacidade para 18 mil espectadores, estiveram presentes 10 mil Benfiquistas e cerca de 100 Marselheses (e a França ali tão perto...), sendo que não foram mais devido a estarem muitos de férias em Portugal, marcando de facto uma diferença abismal entre as duas equipas, tal como foi a diferença que se viu dentro das quatro linhas.
Chegando ao estádio, tínhamos a sensação de estar prestes a ver um qualquer jogo da Liga Portuguesa, tal as cores das bandeiras e dos cachecois ao "sabor" do vento e da chuva, ao situar-me na bancada Norte do Estádio, depressa começaram as conversas sobre os jogadores do Glorioso e respectivos reforços ( Olha, olha, aquele é o Ola John, aquele careca é o Paulo Lopes... ), as bandeiras dos Diabos Vermelhos de Lausanne agitavam-se conforme as movimentações no relvado...) e na entrada das equipas, meu Deus, foi a loucura total, com os habituais cânticos de apoio...SLB, SLB, Glorioso SLB, Glorioso SLB...), até o hino do saudoso Piçarra ouvi, é de facto uma vivência a todos os níveis diferente, como que a receber um ente querido.
Uma nota digna de registo com Cardozo a oferecer as suas chuteiras a um adepto que estava situado nas imediações do acesso ao balneário, tendo de imediato procedido a um curioso ritual de sucessivos beijos à tão valorosa "arma temível" do Tacuara, um gesto de facto bonito.
No final e pouco depois do golaço do regressado C. Martins, foi a loucura total com a festa a viver-se por largos minutos após o seu términús , regressando a casa debaixo de uma chuva que não molhou a alma benfiquista , tal a alegria que estava interiorizada dentro de quem acabara de ver o seu Benfica jogar e ganhar dentro de um Estádio que por 90 minutos se transformou numa "mini" Catedral.

Deixo-vos com um pequeno vídeo que tive a oportunidade de realizar, momentos antes do início do jogo.

video 

Por: José Mattos

3 comentários:

Manuel disse...

Benfiquismo como não há igual. Os verdadeiros adeptos são aqueles que apoiam sempre os nossos jogadores, mesmo quando jogam mal.

Por muito que se mordam os anti-pró-Benfica que nos seus blogues até nem comentam os jogos, quando o Benfica ganha, mas preferem comentar outros assuntos, para eles, mais "prementes"!

Correia disse...

Caro amigo Mattos, que bela crónica. um abraço para voçe e para todos os Gloriosos portugueses que estão fora a lutar pela vida sem nunca esquecer o nosso clube.

Mattos disse...

Obrigado pelas palavras elogiosas, sendo que o nosso Benfica será sempre um clube de dimensão mundial, por muito que isso inveje os "velhos do...Restelo " do nosso jardim à beira mar plantado.

Grande Abraço

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

ARQUIVO DO BLOG

Prémio Relíquia da Internet

Prémio Relíquia da Internet

Presente do grande CORAÇÃO ENCARNADO

Presente do grande CORAÇÃO ENCARNADO

Adaptado por Blogger Benfiquista

Blog do Manuel © 2008. Template by Dicas Blogger.

TOPO