Época 2015/16

Época 2015/16

Os árbitros

Os artistas do apito ficaram melindrados com as críticas e ameaçaram parar já no próximo fim de semana tendo sido demovidos da intenção pelo presidente da FPF. No entanto, se não pararem as críticas, param mesmo na jornada seguinte.
Ora bem, como sabem que sem árbitros não há futebol, toca a ameaçar.
Agora pergunto eu, se um clube como o Benfica que investe milhões é prejudicado por um senhor do apito, sabe-se lá com que intenções, não terá motivos para criticar um árbitro? E quem fala do Benfica fala doutro clube com as mesmas ambições.
Mais a mais, todos sabemos o que a casa (arbitragem) gasta, por isso não podemos ser compreensivos com estes senhores.
Não haveria motivo para processar os senhores do apito por perdas e danos, desportivos e financeiros?

8 comentários:

Anónimo disse...

as virgens prenhas ofenderam-se ,raios os parta a todos estes mafiosos de uma vez ..

Manuel disse...

Se os árbitros têm o "direito" de errar - errar é humano, dizem eles - então os clubes prejudicados também têm o direito de se defender e denunciar esses erros. É elementar, é democracia no seu mais básico, ou será que eles vivem noutro planeta? Eles têm direitos mas também têm DEVERES!

O mesmo não se pode dizer dos adeptos. Os adeptos existem para apoiar aquilo (clube, jogador, tenista, golfista, equipa, whatever!) de que são adeptos, de outro modo não se chamam adeptos. Chamam-se outra coisa qualquer. Inimigos, assobiadores, críticos, enfim é só escolher.

Há muito adepto que age como agem aqueles pais frustrados que são severos para com os filhos. Esses pais, na minha opinião, nem deviam ter sido pais. São maus pais e existem muito exemplos daquilo que eu digo em muitos filmes e livros escritos sobre o tema.

Um pai que berra ou ralha com um filho, porque falhou alguma coisa, que humilha o filho em público, porque falhou alguma coisa, que critica o filho em público, apenas porque se sente frustrado porque o filho não corresponde às suas (idiotas) expectativas é um perfeito imbecil. E devia ser irradiado de pai. E se lhe dizemos alguma coisa responde com arrogância e violência dizendo que tem o direito (democrático?) de agir assim apenas porque é pai. Não é pai, é um perfeito IDIOTA! E Cobarde! Devia levar uma valente coça!!

Com os adeptos é a mesma coisa. Há os normais e os anormais. Os anormais são os que berram mais alto, são os que se ouvem mais e os que fazem mais mal aos seus.
Aos seus filhos... perdão, ao clube e aos jogadores de que são adeptos! Apenas porque se acham com o direito - democrático, dizem eles - de dizer mal e de criticar! A crítica só deve ser feita quando APROVEITA A NOSSA CAUSA! De outro modo é perniciosa. Faz mais mal do que bem. Mas vá lá uma pessoa explicar isso a um asno!

Toda a gente tem o direito democrático de criticar o que quer que seja. Eu também critico muita coisa. Mas nem toda a gente tem o DEVER de o fazer. E está ai, na diferença entre direito e dever, que está a diferença entre um ser civilizado e um asno ou um selvagem. É tudo uma questão de educação cívica e democrática.

Por isso admiro os povos do norte da Europa. Por isso esses países são os melhores países para se viver (não fosse o clima...). E se eles são críticos para com os seus próprios países, governantes, etc...! Se existe um verdadeiro espírito crítico, é lá que existe! Porque são educados desse modo! Há uma grande diferença entre espírito crítico e maledicência! E por isso eles gostam tão pouco - desdenham mesmo! - certas características dos povos do sul. E com toda a razão, digo eu!

Tiago disse...

Eu não concordo minimamente que os familiares dos árbitros sejam ameaçados. Já alguns deles podem ter os dentes outra vez partidos que eu não ficarei muito perturbado.

Como é possível então que quem seja contra violência como eu possa ficar indiferente a um árbitro ser esmurrado? Naturalmente que se deve a um sentido de justiça que todos nós temos.

E como se chega a esta situação? Chega-se a este ponto por culpa quase exclusiva dos próprios árbitros!

Foram eles que viram os colegas viajar de borla para o Brasil e nada fizeram. Foram eles que sabiam de colegas que visitavam presidentes de clubes e nada fizeram. São eles que penalizam quem não os critica e beneficiam quem chora para ver se choram menos! Foram e são os árbitros que dentro de campo e fora deles (como Coroados, Pedro Henriques e afins) que não sabem ser imparciais. São eles que não têm dignificado a sua classe. E neste momento a credibilidade dos árbitros está na lama. Porque eles em vez de protegerem os bons e assumirem os erros protegem todos mesmo sabendo que são corruptos e escondem os erros. Tal como fazem os bandidos!

Como dizia o meu avô: junta-te aos bons e serás como eles; junta-te aos maus e serás pior que eles!

rui disse...

Claro que avia, mais a mais,se eles se sentem tao prejudicados e tao ofendidos e tao preocupados com o seu bem estar etc etc....que desistam de ser arbitros,ate parece que são uns cristos..uns pobres coitados,que desistam...nao falta quem queira ser arbitro,ao contrario daquilo que nos tentam fazer crer á anos e anos,ser arbitro nao é ser cirurgiao neurologico, nao é ser scientista da nasa,é bastante simples até,qualquer macaco bem ensinado podia o fazer

Manuel Oliveira disse...

Ainda bem que não sou o único a pensar assim sobre os árbitros.
Quem quer respeito deve respeitar e isso nunca fizeram, nunca admitiram os seus erros em prejuízo do Benfica, pelo contrário, continuam a fazer sempre a mesma coisa, vidé o exemplo do Proença que prejudica sempre o mesmo, ora isso não é por acaso. Por acaso é beneficiar hoje um e amanhã outro. Com se erra sempre contra o mesmo é premeditação e merece castigo.

Anónimo disse...

Podiam fazer greve já hoje esse bando amigos do corrupto-mor. Nem com a frutinha e chocolatinhos já a faltar na mesa deixam de o beneficiar - se calhar já paga com promessas, mas promessas leva-as o vento e os apintadores vão é ficar pendurados de todas as maneiras.
Essa gente se quer respeito, respeitem também quem paga bilhete e lhes indirectamente paga o "ordenado". Eu por ex. sempre que vou à LUZ ver um jogo com os corruptos sinto-me sempre roubado quando o jogo acaba. Golos que entram e o árbitro não vê, defesas com a mão de rolando, penaltis a favor sempre para o mesmo lado, mesmo que não existam, jogadores expulsos por nada e porrada a sério sem expulsões para outro, etc, etc.
Respeito a essa gente, vão mas é para o car... para não dizer outra coisa!

Miguel

Jotas disse...

lanço aqui um apelo convicto para que esses senhores boicotem todos os jogos até ao fim da temporada, se o fizerem, certamente estarão a contribuir para um futebol mais limpo, mais sério e com maior verdade desportiva, porque eu não acredito neles, não acredito que errem sem querer, tal a grosseria dos seus erros semana após semana, desvirtuando a verdade da classificação de forma grave e quanto a mim propositada.

Portanto, o que esses senhores pedem é: "Deixem-nos continuar a decidir campeonatos sossegados, já não se pode desvirtuar uma competição em paz?"

Manuel Oliveira disse...

Plenamente de acordo amigo Jotas!

Abraço.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

ARQUIVO DO BLOG

Prémio Relíquia da Internet

Prémio Relíquia da Internet

Presente do grande CORAÇÃO ENCARNADO

Presente do grande CORAÇÃO ENCARNADO

Adaptado por Blogger Benfiquista

Blog do Manuel © 2008. Template by Dicas Blogger.

TOPO