Época 2015/16

Época 2015/16

Aimar foi o melhor da 1ª volta

O virar de página do campeonato é uma altura propícia para um primeiro balanço. Ao contrário de outros anos, não parece haver ainda um nome capaz de reunir consenso alargado na escolha do melhor jogador da primeira metade da liga portuguesa. Mas Aimar é quem fica mais perto de alcançar esse estatuto, razão por que o escolhemos como o melhor jogador da prova até agora.
O médio argentino leva apenas um golo marcado na prova e é somente o quarto jogador da liga com mais assistências (três). Mas tem sido o principal alquimista do Benfica, conseguindo muitas vezes transmutar exibições menores da sua equipa em vitórias meritórias e decisivas. Ninguém mais do que ele terá contribuído de forma tão decisiva para transformar o Benfica no líder e, até agora, na melhor equipa do campeonato. Para além do mais, Aimar satisfaz-nos totalmente do ponto de vista estético, o que também conta na hora de fazer as contas. E, independentemente do estiramento muscular que sofreu há dias, a verdade é que Aimar é hoje muito mais fiável do ponto vista físico do que era quando chegou de Espanha. Esta época tem sido capaz de participar em muitos jogos seguidos sem que o seu rendimento seja afectado e sem que se lesione.

Aimar é um daqueles que, num passe longo ou curto, ou, tão-só, num toque ligeiro consegue virar um jogo de pernas para o ar. Foi, de resto, o próprio Jorge Jesus a atribuir-lhe, em Outubro passado, um estatuto especial. “O Aimar é um génio, um jogador que os adeptos, não só do Benfica, adoram. O futebol é arte e ciência, mas, neste caso, o jogador transforma a ciência também em arte”, disse o técnico benfiquista, que desde aí não se tem cansado de elogiar o seu carácter e profissionalismo.

Jorge Jesus deve estar também a ser um aliado de Aimar na intrincada questão da renovação do contrato do El Mago com o Benfica. Assim pode ser entendida a oportunidade de um elogio recente: “Aimar é o meu treinador em campo”.

Contratado em 2008 ao Saragoça por seis milhões de euros, depois de ter sido convencido por Rui Costa de que a camisola número “dez” do Benfica lhe ficava a matar, Aimar tornou-se, compreensivelmente, num dos jogadores mais bem pagos do plantel, recebendo cerca de 150 mil euros por mês. Surgiram notícias de que o clube tentou que Aimar aceitasse baixar o ordenado para poder renovar. Devia ser a isso que Luís Filipe Vieira se estava a referir quando afirmou o seguinte, na entrevista que deu ao jornal A Bola no dia 2 de Janeiro: “É preciso que Aimar nos ajude a concretizar o nosso desejo de renovar com ele.” A posição do presidente do Benfica é absolutamente legítima, como normal é também que Aimar esteja a defender os seus interesses. Mas acabará por ser natural que o jogador mantenha um estatuto especial também no que se refere à folha de pagamentos. O que já fez nos 140 jogos de camisola ao peito justificam-no plenamente. 
(Bruno Prata, in Público) 

O reconhecimento da classe de Aimar por um não benfiquista!

3 comentários:

João José Aquilino Pires disse...

"O Benfica tem mais nome no mundo todo que Porto e Sporting juntos" António Oliveira in Zona Mista (RTPN, emissão de 8 de Janeiro, salvo erro).

O reconhecimento da grandeza do Benfica por um dos, muito provavelmente, presidentes portistas da era pós-Pinto da Costa.

Ao que poderia juntar, citando de cabeça:
"o Benfica é o exemplo a seguir no que a democracia diz respeito no seio de um clube desportivo"
por um ex-presidente do Porto na era pré-Pinto da Costa (cujo nome me falha agora)

Manuel Oliveira disse...

Nem mais caro JJAPires!

Abraço.

BENFIQUISTA disse...

o Aimar é de facto um grande jogador, foi muito importante na 1ªvolta como o vai ser ainda mais na 2ªvolta, mas temos de destacar a equipa toda do Benfica, todos.


abraço

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

ARQUIVO DO BLOG

Prémio Relíquia da Internet

Prémio Relíquia da Internet

Presente do grande CORAÇÃO ENCARNADO

Presente do grande CORAÇÃO ENCARNADO

Adaptado por Blogger Benfiquista

Blog do Manuel © 2008. Template by Dicas Blogger.

TOPO